Os quatro elementos essenciais da habilidade marcial

Os quatro elementos essenciais da habilidade marcial no (Tai Chi Chuan)

Durante um seminário na Polônia em 2010, Chen Xiaoxing disse a um dos participantes que não subestimasse a importância do treinamento físico externo. Muitos praticantes modernos de Taijiquan (tai chi chuan) pensam somente em termos de energia, qi, quietude, etc. Embora sejam vitais, estas são apenas partes da equação. Num artigo recente entitulado ‘Taiji: Métodos Antigos e Ciência Moderna’, Chen Ziqiang falou sobre os quatro atributos que devem ser cultivados por alguém que deseja ter sucesso em combate:

  • gongfu
  • jishu (conhecimento da técnica)
  • shuzhi (constituição do corpo)
  • li liang (força física)

Não é possível acelerar o gongfu ou a fluência numa gama abrangente de técnicas. Estes aspectos são possíveis somente com experiência. No entanto, força física e condicionamento do corpo podem ser bastante aumentados num tempo relativamente curto. Treinamento de força não é um fenômeno novo no Taijiquan (tai chi chuan) – basta pensar nos muitos treinamentos auxiliares – sacudir o bastão, armas pesadas, manter posturas, e outros. Olhe para os maiores mestres e pergunte-se se além de serem calmos e terem o corpo relaxado e equilibrado, eles são fisicamente fortes ou não. Se dizemos que praticamos Taijiquan (tai chi chuan) como uma arte marcial, então todos estes aspectos devem ser atendidos em nossa prática. Esta não é uma realização trivial.

É muito raro encontrar alguém que tenha atingido a excelência nos quatros aspectos – gongfu, técnica, constituição e força. Na minha família, por exemplo, diz-se que desde que o Taijiquan (tai chi chuan) foi criado, somente Chen Wangting, Chen Changxing e Chen Fake conseguiram esta realização. O resto de nós está tentando chegar tão perto quanto possível desta perfeição.Chen Ziqiang