Taijiquan: perdido num mundo digital

Taijiquan (Tai Chi Chuan): perdido num mundo digital

Em todos os lugares, nós somos constantemente bombardeados com mensagens: Twitter, Facebook, mensagens de texto. Todas, é claro, exigindo nossa atenção imediata. Num artigo recente, um especialista em internet apontou um adolescente que envia ou recebe espantosas 27 mil mensagens de texto por mês. Nas suas palavras, “Alguns dizem que o problema da nossa era é que a atenção parcial contínua, esta distração sem fim, perturba e desorienta o cérebro e impede-nos de sermos produtivos. Não é bem assim. O perigo não é a distração, o perigo é a possibilidade de esconder-se”.

O que isto tem a ver com Taijiquan (tai chi chuan)? Hoje, as pessoas reconfortam-se dizendo que o ritmo apressado da vida moderna torna impossível praticar como os mestres treinaram quando eles eram jovens, na China. É claro que elas gostariam de treinar mais, mas a vida é tão cheia de afazeres. Alguém disse isto a Chen Xiaoxing quando estávamos treinando em Chenjiagou, e ele ficou claramente irritado com a insinuação de que as coisas eram mais fácil na sua juventude, descartando a idéia imediatamente. Ele narrou a rotina exaustiva de trabalho que tinham, quando todo o trabalho do campo tinha que ser feito com força braçal, e riu-se de que mesmo quando apareceram tratores e máquinas, eles eram pobres demais para poder comprá-los. Então veio a Revolução Cultural, e ele teve que trabalhar numa fábrica de tijolos. Mesmo assim, eles ainda encontravam tempo para praticar. Como ele diz, a maioria das pessoas hoje trabalha oito horas por dia. Fora isto, o indivíduo tem escolha do que fazer com o seu tempo. Chen Zhaopi, professor dos Quatro Guardiões de Buddha de Chenjiagou, colocou isto de modo muito simples dizendo,

Além de ter um bom professor, o principal critério é se a pessoa está disposta a fazer o trabalho duro.Chen Zhaopi

Desenvolver habilidade do modo tradicional requer tempo, paciência e perseverança. Assim, desligue seu computador, desconecte-se da sua conta do Facebook, pare de embromar e comece o trabalho real.